poema

00:24

São tantos remédios 
Já cansei dos comprimidos pra minha doença 
E da inexistência de remédios 
Para a dor de sua ausência


É DIFÍCIL LIDAR COM OS TREMORES

Com as crises
Tantos vômitos, náuseas, desmaios
E você ainda despeja o seu ódio em mim


Dentre as condições para o meu tratamento 
Me afastar de você era a principal
Segui a risca com medo de morrer 
Hoje é estável o meu emocional


Ele não sofre mais picos como antes
Fico triste o tempo todo
Depressiva todos os dias
E é assim que tem que ser


De mim as pessoas só esperam poesia
De você eu espero que me tenha amor 
Precisei me afastar de tudo que eu já quis
Porque sobreviver não significa ser feliz



Quantos miligramas tem a sua dor?









You Might Also Like

0 comentários

Oi!! Deixe seu comentário na caixinha dizendo o que achou do post, do blog ou simplesmente tirando alguma dúvida.
Para avisos sobre memes ou selinhos, comentem na página de selinhos (clique no link "Selinhos" lá em cima), por favor. Se não eu nunca vou responder por pura distração :\
Se quiser fazer uma troca de links, ou seja: parceria, comente na página "Mais blogs". O link está lá em cima, perto do link "Selinhos", vou adorar ter parceria com o seu blog :)
Então, é isso. Obrigada por comentar, volte sempre!

Cadastre-se no blog

SUBSCRIBE

Já me visitaram